22Novembro2017

Araraquara.com.br

Você está aqui: Home Notícias Cidade Atividades marcam Dia Mundial de Combate ao Diabetes

Atividades marcam Dia Mundial de Combate ao Diabetes

diabetes

O dia 14 de novembro é lembrado como o Dia Mundial de Combate ao Diabetes. Com o objetivo de alertar e conscientizar a população, a equipe da Unidade de Saúde da Família (USF) “Dr. José Nigro Neto”, do Jardim Hortênsias, realizou, nesta quinta-feira (14), diversas atividades.



Organizado pela equipe médica e agentes comunitários de saúde (ACS), os pacientes participaram de uma roda de conversa abordando o diabetes, discutiram alimentação saudável e receberam orientações sobre saúde bucal.

Durante a conversa, também foi explicado os cuidados necessários para evitar a doença, entre elas, a prática regular de exercícios físicos.

Dando continuidade às ações da Secretaria da Saúde, no próximo sábado (23), das 8h às 12h, também na unidade de saúde do Hortênsias, será realizado um evento com o tema “Diabetes”. Será oferecido teste de glicemia, aferição de pressão arterial, palestras de prevenção e orientações sobre alimentação.

A Doença

Em Araraquara, segundo dados da Secretaria de Saúde, 33.521 pessoas são diabéticas. O diabetes é uma doença crônica resultante do desequilíbrio dos níveis de glicose no sangue. Isso ocorre quando o pâncreas não consegue produzir insulina suficiente (diabetes tipo 1) ou quando a insulina produzida pelo pâncreas não age adequadamente nas células devido a uma resistência do corpo à ação dela (diabetes tipo 2).

Quando um destes problemas com a insulina ocorre, a glicose deixa de ser absorvida pelas células, o que provoca a elevação dos níveis de glicose no sangue.

A principal característica do diabetes é a hiperglicemia (elevação dos níveis de glicose no sangue), que pode se manifestar por sintomas como poliúria (excesso de urina), polidipsia (sede aumentada), perda de peso, polifagia (fome aumentada) e visão turva. Esses sinais e sintomas são mais evidentes no diabetes tipo 1. O diabetes tipo 2 em geral é mais “silencioso” e é mais comum na faixa etária dos adultos.

Fonte: Prefeitura Municipal de Araraquara

imagem012
Araraquara.com.br - O primeiro e melhor portal da cidade, desde 1996.